COMUNICAÇÃO PÓS COVID-19




    As relações de trabalho nos meios de comunicação jamais serão as mesmas depois da crise provocada pelo novo coronavírus - Covid-19 - no mundo inteiro. 
    Emissoras de televisão de primeiro mundo e no Brasil também, exibem entrevistas com autoridades das mais diversas áreas - médica, científica, política, econômica - e celebridades, gravadas em aparelho celular, no seu habitat, ou seja, em seu domicílio.
     Daqui para frente, não me surpreenderei se as emissoras adotarem essa postura e a exibição de entrevistas nesse formato será a coisa mais normal do mundo em nossas emissoras de televisão, inclusive, na Rede Globo, a líder em audiência, especialmente no Jornal Nacional, como estamos vendo nos últimos dias.
      Se isso vai gerar onda de desemprego entre câmeras, repórteres, editores de imagem e outros profissionais, isso é outro assunto e vamos comprovar quando passar essa onda de coronavírus.
      Repórteres de jornais e portais, editores de texto e outros profissionais, estão trabalhando em casa, em diversos países, todos confinados por conta da onda de coronavírus. Sem pegar transporte público ou seu próprio carro para se deslocar até o trabalhar e, pelo visto, estão dando conta do recado.
       

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

OS LIVROS & EU COM GONZAGA SOUZA

BIOGRAFIA DO GRUPO HINODE

ONDE ANDA OLGA BONGIOVANNI